‘O Outro Lado do Paraíso’: Gael, desfigurado após surra, suborna presos. Fotos!

O filho de Sophia (Marieta Severo) recorre a ela para conseguir se livrar das agressões

No capítulo que vai ao ar nesta quarta-feira (20) na novela “O Outro Lado do Paraíso“, Gael (Sérgio Guizé) será espancado pelos companheiros de celaapós tentar estuprar Clara (Bianca Bin). Com o rosto irreconhecível por conta da violência, ele ainda é ameaçado de estupro, mas consegue conter os demais presos. “Não faz isso, não faz. Eu arrumo dinheiro pra vocês. Garanto. Minha mãe sempre cuidou de mim. Ela vem. Prometo depositar a grana”, argumenta, citando Sophia (Marieta Severo), que também irá para a prisão nos próximos capítulos da novela.

MÃE COGITA DENÚNCIA E ELE IMPEDE: ‘É ASSINAR MEU ATESTADO DE ÓBITO’

Durante uma visita, a vilã se choca ao se deparar com o filho. “Gael! Está todo machucado. De longe se vê que levou uma surra. Eu vou denunciar, pedir pra que te mudem de cela”, espanta-se. O namorado de Aura (Tainá Müller) – dermatologista que descobrirá o motivo da prisão dele ao tentar fazer uma visita íntima -, então, revela à mãe ter subornado os colegas de cela. “Mãe, se denunciar, é assinar meu atestado de óbito. Se mudar de cela, pode ser pior. Eu fiz um trato. Deposita essa grana aí, pra essa gente”, pede o ex-marido de Clara, por quem será humilhado na cadeia, implorando: “Eu comprei minha vida. Se não depositar, já era”.

SOLTO, GAEL SE REVOLTA COM A MÃE: ‘POR QUE ME CRIOU ASSIM?’

Mãe e filho também vão protagonizar cenas tensas após o irmão de Lívia (Grazi Massafera) ser solto. Isso porque ele a acusa de ter incentivado sua violência nos relacionamentos anteriores. “Todo esse tempo na cadeia, eu pensei. Por que fui pra lá, por quê? Pensei mais, mãe. Por que eu perco a cabeça e bato em mulher? Bati na primeira, em outras namoradas. Perdi a Clara porque bati nela. Perdi também porque cê queria as esmeraldas…Mãe, eu sou teu filho. Teu fruto. Por que me criou assim? Por que fez de mim um homem que bate em mulher?”, questiona ele. “Agora eu sou a culpada?”, ironiza a dona do garimpo. “Culpado sou eu que bati. Esse tempo na cadeia foi suficiente pra eu saber que fui culpado, sim. Os outros presos me falaram, muitos batiam em mulher, podiam tar lá por outra causa, mas batiam. Só que tem uma coisa. Cê me aprovava. Incentivava. Queria que eu batesse na Clara. Me empurrava pra violência. Sempre empurrou. Por quê?”, rebate o rapaz. “Porque você é um bobo, Gael. Sempre foi um fantoche nas minhas mãos. Eu te usei, sim. Se não tivesse te usado, não teria as esmeraldas. Então me agradeça”, minimiza Sophia.

(Por Marilise Gomes)

Fonte: purepeople

Veja o resumo completo da próxima semana de “O Outro Lado do Paraiso”