Belaventura: resumos dos capítulos de 27/11 a 1º de dezembro

‘Belaventura’ – Record – 19h30

Segunda, 27 de novembro
Pietra está tensa diante de Selena que percebe que caiu numa armação. Selena diz à Pietra que a Ordem Pura sabe de tudo que acontece e lamenta pela morte de sua mãe, e que de lá também não sairá com vida. Enrico apressado vai até a casa de Lucy onde acredita que Pietra esteja. Marion diz a Severo que não vai assinar nenhum termo e faz que vai sair e Severo a manda prender. Gonzalo visita Brione no seu quarto e entra pela janela. Na estalagem, Arturo conversa com Ariela e ouvem vozes da rua. Arturo diz que seu pai será coroado sem sua presença e reage decepcionado. Severo diz à Marion que Arturo não é seu filho e que ele irá embora junto com ela. Marion cospe no rosto dele. Brione diz a Gonzalo que Arturo não é filho do conde e que Selena descobriu tudo e revelou a todos. Pietra surpreende Selena, desferindo um golpe em seu braço, fazendo a adaga voar. As duas rolam pelo chão.
Enrico galopa pela floresta e se depara com Biniek. Biniek toca o apito e logo outro Errantes surgem cercando Enrico. Mistral diz à Lizabeta que precisam estar atentos a tudo, caso Enrico não volte com Pietra, ela será a sucessora do trono. Tiana troca os panos dos ferimentos de Arturo que sente dor, mas disfarça. Tiana se surpreende ao ver uma mancha de nascença nas costas de Arturo. Brione parte para cima dos guardas que levam Marion para a prisão. Biniek não deixa Enrico passar. Enrico promete negociar o que quiser e deixa sua coroa com Biniek. Pietra briga com Selena e quebra uma cadeira em suas costas que cai no chão. Os soldados empurram Marion para fora do castelo. Tiana conta a Matriona que Arturo tem a mesma marca de nascença de Joniel.
Pietra foge correndo pela floresta. Selena começa perseguir Pietra. Enrico corre pela floresta e grita por Pietra. Cedric vai até a masmorra e se aproxima e vê que Nodier está deitado na mesa de tortura, usando as vestes de Bartolion. Cedric grita aos guardas que um prisioneiro fugiu. Selena captura Pietra e a amarra e as duas lutam novamente. Tamar revela sua condição para Carmona que fica condoída com a situação. Cedric soca a mesa de tortura. Tiana parte para cima de Joniel e o caham de traidor e mentiroso. Joniel diz que não está entendendo nada. Tiana pergunta como ele teve coragem de enganar a própria esposa. Gonzalo entra e separa os dois. Daros encontra Selena e diz que ela não vai a lugar nenhum, e quer saber o paradeiro de Pietra. Pietra corre e tropeça numa pedra. Diante dela está uma pequena barraca com alguns Cavaleiros da Ordem Pura. O Cavaleiro levante Pietra. É quando Enrico surge a cavalo.

Terça, 28 de novembro
Enrico está com Pietra sobre o cavalo diante do Cavaleiro e dos demais Cavaleiros da Ordem que cercam o cavalo de Enrico. Daros oferece ajuda à Selena que está ferida. Selena ouve o barulhos dos cavalos e tenta se esconder. Daros encontra com Tácitus, Accalon e Gregor e diz que não há nada por ali. Selena sai do esconderijo. Marion está afastada, sozinha, com um pano velho que cobre a cabeça. Fubaldo passa com Polentina e não percebe Marion ali. Soldados de Valedo montam a estrutura de uma fogueira. Tiana, Joniel e Gonzalo se emocionam ao ligarem os fatos sobre Arturo. Tiana chora bastante e é abraçada por Joniel. Nodier diz ao tio Cedric que foi enganado por Bartolion. Bartolion sai do castelo. O Mestre reconhece Bartolion e manda capturá-lo. Tácitus, Accalon e Gregor chegam aonde está Enrico com Pietra que estão diante dos Cavaleiros. Eles lutam e Enrico consegue fugir com Pietra. Bartolion luta contra os Cavaleiros e Dumas aparece e o ajuda a fugir.
Severo fica furioso diante de Cedric e diz que deveria manda-lo para a fogueira no lugar de Bartolion, por ter deixado ele escapar. Selena caminha com Daros pela floresta. Enrico e Pietra chegam ao castelo.Pietra pede desculpas a Enrico por não ter contado o que iria fazer. É quando Bartolion chega, apressado, seguido por Dumas. Bartolion explica para Enrico como fugiu do castelo de Valedo. Matriona surpresa ao ver Arturo se apoiando numa muleta, já no meio da escada. Joniel vai para a oficina e fica pensativo. Quixote chega e diz o que está para acontecer na Vila e diz que não pode mais manter o filho do conde por lá. Joniel revela a Quixote que Arturo é seu filho.
Marion procura por Jacques no castelo de Belaventura e diz que precisa de um lugar para ficar. Selena chega no castelo e Severo pergunta onde ela estava. Marion suplica a Jacques que a deixe ficar e ele aconselha ir para a estalagem e revela que Arturo também está lá. Severo está belamente trajado e se levanta para receber Selena, que também está deslumbrante. Cedric se aproxima e entrega a espada Redentora para ele. Tiana leva comida para Arturo e tenta disfarçar a emoção, mas Arturo rejeita. Enrico já está bem vestido em seu traje festivo. Lizabete também entra linda com seu traje e sorri para Enrico. Em seguida entra Pietra deslumbrante e faz uma reverência a Enrico.

Quarta, 29 de novembro
Enrico e Pietra estão frente a frente. Lizabeta e Elia também estão presentes. Mistral avisa que está tudo preparado. Carmona está tensa diante de Tácitus que diz que ela não pode cometer o erro de se distanciar da família num momento crucial. Corinto ali e diz que reconhece que Tácitus tem razão. Na estalagem Marion fica muito nervosa diante de Arturo, que tem a expressão fechada. Tiana encara Marion, com ódio contido. Brione está bem vestida e diz a Laurinda que não está preparada para a cerimônia de seu pai. Nodier chega e diz que Severo a espera na sala do trono.Severo e Selena estão diante de Cedric e do Mestre da Ordem. A porta se abre e Fernão entra com os soldados de Valedo. Enrico caminha com Pietra pelo corredor do castelo quando Biniek chega e mostra a cora para Enrico. Pietra assustada diante de Biniek ao lado de Enrico e pergunta o que significa aquilo. Biniek diz que quer saber se o príncipe prova que tem palavra.
Enrico entrega a coroa aos soldados e diz que garantiu que protegeria os Errantes e assim o fará depois da cerimônia. Enrico convida Biniek para participar do evento. Mistral inicia o discurso seguido por Bartolion. No castelo de Valedo, Severo está no trono ao lado de Selena. Leocádia e Brione caminham até Severo e Selena observa, incomodada. Leocádia encara Severo com orgulho. Pietra olha para os súditos, vê as pessoas jogando flores, de repente fica tudo embaçado, mas ela se detém e procura se concentrar e se manter firme. Cedric reverencia Severo e os soldados levantam suas espadas e gritam. Bartolion anuncia que Enrico irá se pronunciar como rei e Carmona chega e todos se surpreendem. Carmona se volta para os súditos e discursa. Severo faz um discurso diante dos súditos e Marion entra surpreendendo a todos com Arturo sendo carregado por soldados.

Quinta, 30 de novembro
Severo encara Arturo e o despreza. Severo diz que Arturo não será herdeiro de nada. Leocádia grita para que tirem Marion de lá. Severo ordena que ela fique e que acaba de assinar a própria sentença de morte, para espanto de Marion. Severo ordena que levem Marion para a masmorra. Severo diz a Arturo que ele é uma mentira e que não é seu filho. Carmona encara Enrico por alguns instantes. Carmona diz que apoia o novo rei. Enrico diz que precisa dela ao seu lado e ela se emociona e todos aplaudem. Leocádia vai até a masmorra e Marion a chama de traidora mãe. Leocádia dá um tapa no rosto de Marion. Arturo continua nervoso diante de Brione e Gonzalo e diz que precisa saber toda a verdade. Marion suplica a Fernão que faça algo por ela. Cedric se aproxima com as coroas e entrega ao Mestre que as coloca sobre as cabeças de Severo e Selena. O exército já levanta as espadas e grita, saudandoos.
Bartolion coroa Enrico e Pietra, que são aplaudidos pelos presentes. Gonzalo conta à Brione sobre Arturo que é seu irmão que estava desaparecido. Enrico nomeia Accalon como novo conselheiro. Severo indignado, ordena a Cedric que Marion seja levada a fogueira imediatamente. Um criado tropeça e derruba um doce no rosto de Carmona que fica furiosa. Páris e Tácitus se prontifica a ajudá-la. Tácitus passa o dedo no rosto de Carmona e experimenta o doce e a provoca. Todos riem de Carmona. O Mestre pede para Selena aproveitar o pouco tempo que terá como rainha e aproveita para pedir que ela tenha logo um filho com o rei. Selena estranha. O Mestre a elogia e diz que executou sua missão com louvor e que não pode perder uma servidora competente como ela.
Marion se assusta com a chegada de soldados de Valedo na masmorra e reclama pela demora em rertirá-la de lá. Cedric aparece entre os soldados e lamenta o caminho que escolheu e diz que será queimada na fogueira. Pietra e Enrico estão dançando e ela esfrega os olhos. Enrique percebe e pergunta o que está acontecendo. Pietra diz que precisa se retirar para afrouxar o vestido, ela beija Enrico e sai.Pietra vai até a cozinha e tenta respirar e se acalmar. Ela ouve passos e olha ao redor. Pietra estranha ao ver alguém de capuz bem próximo dela. Pietra estranha ao reconher o rosto de Otoniel, bastante sujo e maltrapilho.

Sexta, 1º de dezembro
Pietra está assustada diante de uma pessoa de capuz, da qual não se vê o rosto. Pietra esbarra em algo e quando se volta para frente novamente, não vê mais ninguém. Arturo está sentado na cama. Laurinda oferece um copo de água, mas ele bate no copo, jogando-o longe. Leocádia entra e diz a Arturo que é tudo verdade e ele se decepciona. Dumas entrega o baú de Lucy à Tamar e diz que estava em poder de Falstaff. Dumas revela que foram com aqueles ingredientes e seguindo as instruções dos papiros que Bartolion conseguiu chegar ao antídoto que salvou Pietra. Tamar agrade a Bartolion. Tácitus ajuda a limpar o rosto de Carmona e lambe o doce. Carmona não resiste e beija Tácitus também o sujando de doce. Pietra pede a Páris que a ajude chegar até Enrico e diz que está enxergando muito pouco. Brione suplica a Severo que não tome nenhuma decisão precipitada. Arturo está bastante atordoado diante de Leocádia. Pietra revela a Enrico que desde quando foi envenenada por Merlino que sente sua visão prejudicada. Severo está um tanto atordoado, enquanto Selena o observa.
Pietra conta a Enrico que no momento que se afastou, disse que teve a impressão de ter visto o rei Otoniel e Enrico se espanta. Jacques diz à Lizabeta que o solado veio avisar que o rei Severo mandou sua mãe para a fogueira e que não pode permitir isso. Marion é presa na fogueira ainda apagada, enquanto muitos homens em volta vibram. Cedric inicia seu discurso. Marion grita por clemência. Cedric faz sinal para um soldado que se aproxima com uma tocha acesa na mão. Pietra diz a Enrico que tem certeza que era Otoniel que ela viu. Bartolion conversa com Dumas e diz que fez o antídoto corretamente e que não é possível que Pietra esteja perdendo a visão. Dumas teme que Pietra perca todos os sentidos aos poucos. Gonzalo diz à Brione que chora muito, que vai impedir que façam mal à Marion.
Severo tira Selena para dançar enquanto comemoram. Enrico dá ordens a Daros, Tácitus e Gregor que tentem reconhecer todos os desabrigados em volta do castelo e o que parecer familiar que deve ser levado até ele. Enrico revela que seu pai pode estar entre esses homens. Bartolin diz à Pietra que se realmente estiver correta, o rei Otoniel pode estar correndo perigo. Pietra diz que um pássaro diferente esteve em sua janela e Bartolion se surpreende e diz que o pássaro é uma fênix. Bartolion diz à Pietra que somente sua mãe se estiver viva pode evitar que algo pior lhe aconteça e que ela precisa saber que é a única esperança para salvá-la.

Os resumos dos capítulos são disponibilizados pelas emissoras e estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

Fonte: tv novelas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *