Veja principais motivos que podem fazer você cair em golpes pelo celular

Um mapeamento realizado pela empresa de segurança ESET descobriu que a maior parte de usuários de smartphones e tablets da América Latina não possui aplicativos de proteção em seus dispositivos. A falta de um app antivírus pode deixar o aparelho aberto a diferentes tipos de ameaças. O levantamento aponta que 69% dos celulares estudados estão vulneráveis, um número que tem aumentado a cada ano.

Além disso, a pesquisa também revelou quais são os perigos mais comuns que podem fazer o smartphone ficar exposto a golpes. Confira, abaixo, a lista com as dez razões que fazem o seu telefone ficar vulnerável e proteja-se.

Como aumentar a segurança do Facebook com aprovações de login

Veja principais motivos que podem fazer você cair em golpes pelo celular (Foto: Elson de Souza/TechTudo)

Aplicativo do TechTudo : receba dicas e notícias de tecnologia no seu celular

1. Concentração de dados

A grande quantidade de aplicativos instalados em um smartphone transformam o aparelho em uma ótima fonte de informações sobre a vítima, uma vez que eles armazenam uma grande quantidade de dados pessoais. Uma das recomendações, nestes casos, é apagar os apps que você não costuma usar para minimizar o impacto em caso de roubos.

2. Transações bancárias

Muitos bancos possuem apps que simplificam a vida dos usuários, mas esses dados, que incluem senhas e números de contas, são sensíveis e podem causar muitos transtornos se forem roubados. Para evitar problemas, armazene a menor quantidade possível de dados nos dispositivos e não use os aplicativos em redes públicas.

3. Preenchimento automático de informações

Uma das funções mais úteis de navegadores é lembrar automaticamente de informações usadas para preencher formulários, incluindo nomes de usuários e senhas. Entretanto, estas informações não costumam ser criptografadas no dispositivo, o que significa que estão acessíveis para um eventual invasor. A melhor forma de se proteger, nestes casos, é instalar um gerenciador de senhas.

4. Localização do usuário

Os smartphones possuem recursos de GPS que podem ser úteis para receber informações relacionadas a sua localização, como mapas ou recomendações de lojas ao seu redor. O problema é que o vazamento destas informações podem ser usadas para encontrar o dono do aparelho, portanto, a recomendação é que o sinal seja desativado quando seu uso não for necessário.

veja mais…

Pular para a barra de ferramentas